sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

[Muito +18] The Art of Shintaro Kago. O cômico, o grotesco, e o kawaii.



O artbook do mês que vou apresentar no Dissidência Pop não é para qualquer um. Se você já leu o título do post e está familiarizado com a obra de Shintaro Kago já tem uma noção do que se trata. Caso contrário, saiba que o conteúdo que será mostrado abaixo não é recomendado para os fracos de estômago e aos muito sensíveis. Mesmo que a comicidade inerente na obra de Shintaro Kago amenize o aspecto grotesco de muitas das ilustrações, ainda é algo chocante. Neste artbook temos Shintaro Kago exercitando seu ero-guro na melhor forma possível, com direito a muitas meninas bonitas, coisas coloridas, sangue, tripas, tentáculos, vermes e outras coisas que prefiro não comentar!

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Undercurrent. Mergulhando fundo na solidão.


Hoje vocês lerão no Dissidência Pop um artigo sobre o mangá Undercurrent, de Tetsuya Toyoda. A obra começa quando Kanae Sekiguchi, proprietária da casa de banho Tsuki no Yu, luta para reabrir seu negócio depois do desaparecimento inexplicável de seu marido. Neste mangá vocês não encontraram lutas emocionantes, linhas de velocidade, erotismo e violência explícita, mas sim um drama maduro e sério, com uma boa exploração da questão do abandono e da solidão.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Kenichi Sonoda Artworks. Garotas e armas na arte do designer de Bubble Gum Crisis e Gunsmith Cats.



Agora é a vez do primeiro artbook de 2017 a ser apresentado no Dissidência Pop. Quem acompanha o Dissidência Pop sabe que mensalmente trago um pouco da arte de algum mangaká ou ilustrador, desta vez o homenageado é Kenichi Sonoda, ou Ken-Ichi Sonoda para quem preferir a grafia assim. Os mais novos não devem conhecê-lo muito já que seu período de maior destaque foram as décadas de oitenta e noventa, embora ele ainda esteja na ativa. Suas obras mais famosas são Gunsmith Cats, Bubblegum Crisis e a série Gall Force.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Legend of Black Heaven. O rock salvará o espaço!


O Dissidência Pop volta à ativa neste começo de 2017 comemorando a centésima postagem do blog, e para tanto falarei de um anime bastante interessante, perfeito para os apreciadores da música, especialmente o bom e velho Rock, o anime é Kachou Ouji: Hard Rock Save the Space, conhecido também como The Legend of Black Heaven. Como o nome permite sugerir, trata-se de um épico de ficção científica onde o elemento que salvará o planeta Terra é o Rock! Pode parecer uma comédia, e sim, é uma comédia, embora não nos padrões que estamos acostumados.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Shelter. Eu sei que não estou só. Um épico sci-fi de Porter Robinson.


Hoje vou escrever um pouco sobre um clipe musical. Já estou incorporando na rotina do blog escrever de vez em quando sobre uma música que possua uma animação possível de ser analisada neste espaço. O clipe de hoje é muito recente e provavelmente muitos de vocês já devem ter visto ou pelo menos escutado a música. O vídeo dela possui mais de 10 milhões de acessos no Youtube. Sim, é algo bastante famoso e foge, por isso, um pouco da temática do Dissidência Pop que é apresentar material mais desconhecido. Mas não tanto assim, pois no meio otaku o clipe e a música não são tão conhecidos, pelo menos ainda.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Y's Art Works. Visitando a arte de Yuu Kinutani.



Como é de praxe no Dissidência Pop, mensalmente apresento algum artbook para deleite dos leitores. O mangaká que terá sua arte apresentada hoje é Yuu Kinutani. Ele não é muito conhecido no Brasil mas possui uma série de mangás de qualidade bastante relevantes. Kinutani foi responsável por realizar adaptações de obras consagradas para o mangá, como Ghost in the Shell: Stand Alone Complex e uma releitura de Devilman de Go Nagai.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Short Peace. A antologia de Katsuhiro Otomo do século XXI


Seguindo a onda de Robot Carnival, o Dissidência Pop apresenta outro filme que é uma compilação de curtas. Desta vez a antologia analisada será o filme Short Peace, lançado em 2013 e dividido em quatro segmentos (cinco se contar a abertura que é um espetáculo à parte): Tsukumo, Combustible, Gambo e Buki yo Saraba, apresentando grandes nomes em sua direção, como Katsuhiro Otomo (que foi o idealizador do filme como um todo), Kouji Morimoto e Shuuhei Morita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...